Quinta edição tem início nesta quarta-feira


 O espetáculo “A Escrava Isaura” será realizado no dia 2 de novembro (Divulgação)

Petrópolis recebe entre os 1º e 5 de novembro, o 5º Festival de Esquetes de Petrópolis (FEESPE). Sucedendo o Festival Imperial de Cinema e o Festival de Bandas Marciais, que aconteceram na última semana e agitaram o calendário cultural da cidade, o FEESPE vem com a finalidade  de incentivar a criação teatral e democratizar o acesso ao teatro. O evento conta com 18 atrações em sua programação, que se divide entre o Theatro Dom Pedro, Instituto Técnico Brasileiro (ITB), Praça Dom Pedro e Praça da Liberdade, e tem apoio da Prefeitura por meio do Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE). 
Os esquetes, peças de curta duração, abordam diferentes temas, geralmente de caráter cômico. Nesta edição, cada grupo terá 20 minutos para se apresentar, com tolerância de dois minutos. Quem ultrapassar o tempo estipulado será desclassificado. Além disso, acontecerá uma premiação, realizada no último dia, em diversas categorias. O maior prêmio, de melhor esquete, contempla os premiados com o valor de R$ 1.500,00 e um troféu.
“O Festival volta nesta quinta edição mais forte do que nunca, com convidados muito importantes e programação para todos. A troca de linguagens que acontece durante os dias de programação é muito intensa, além de muito válida para os amantes do teatro. Contamos com a presença de todos neste evento lindo que estamos organizando”, disse o organizador Rodolfo Medeiros da Foco Produções.  
Assim como nas outras edições, 30% dos ingressos disponíveis serão destinados à jovens e idosos de comunidades carentes. A programação conta também com apresentação gratuita da peça “Ciranda das Flores”, no Centro de Referência em Educação Inclusiva (CREI),  no dia 1º de novembro, às 14h. 
O Festival acontece até o dia 05 e os ingressos podem ser comprados antecipadamente, no valor de R$ 10 na Fábrica de Bolos Vó Alzira e no ITB, que ficam, respectivamente, na Rua 16 de março, 325 - Loja 7, e na Rua Mar. Floriano Peixoto, n. 130, no Centro.
No Theatro Dom Pedro também será feita a venda antecipada de ingressos, mas no valor de R$ 15. Na porta, o valor será de R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).


Programação do Festival:
01.11 -
Centro de Referência em Educação Inclusiva (Avenida Koeller, número 87)
Theatro Dom Pedro
20h - Espetáculo “En’Canta Noel”

02.11 -
 Instituto Técnico do Brasil (R. Mar. Floriano Peixoto, n. 130)
 10h às 13h - Oficina “Clowns”
 Theatro Dom Pedro:
20h - Espetáculo “A Escrava Isaura”

03.11 - Instituto Técnico do Brasil:
19h - Apresentação dos esquetes “Os Magnatas”, “Trenzinho Caipira” e “Encontro”
 20h - Festa “Encontro das Artes”

Mostra competitiva:
04.11 -
Praça Dom Pedro -11h
Peça “Ciranda das Flores”

Theatro Dom Pedro - 20h  
Margem (Lúcio Martinez e Victoria Barreto - Rio de Janeiro)
A Mui Lamentável Advertência de Piramo e Tisbe (Grupo Primitivos - Rio de Janeiro)
Panchito Gonzalez (Cia. Atores da Fábrica - Rio de Janeiro)
Mandacaru - Chove aqui dentro (Cia Fidevi - Rio de Janeiro)
Eu É! (Grupo Volts - Rio de Janeiro)
A Partilha (Grupo Eu & Eles Dois - Rio de Janeiro)
A Febre da macaca (Cia. das macacas - Rio de Janeiro)
Império de anjos (coletivo panela teatral - Rio de Janeiro)

05.11 -
Praça da Liberdade
11h - Peça “Nas Águas da Realeza”

Theatro Dom Pedro - 19h
Angu de Sangue (Grupo, Cia ou Coletivo - Rio de Janeiro)
Quimera (Grupo Arte na Avenida - Petrópolis)
Os construtores de pontes (Agromelados Cia Teatral - Niterói)
Macacos (Cia do Sal - São Paulo)
Linha de Frente (Cia Espantalhos de Comédia - Rio de Janeiro)
Contorções Afogadas (Grupo Inversos - Rio de Janeiro)
Amor em 8 Tempos (Grupo Potcha - Rio de Janeiro)
Anamnese (Grupo Pablo Pégas - Rio de Janeiro)


Leia Também