Igrejas de Petropolis sem missas

Medida é para evitar a disseminação do coronavírus entre os fiéis

Na tarde desta sexta-feira (20.03) o prefeito Bernardo Rossi esteve reunido com o Bispo Diocesano Dom Gregório Paixão. A Mitra Diocesana de Petrópolis expediu um decreto direcionado as todas igrejas que fazem parte da congregação sobre os procedimentos que todos os fiéis devem tomar nesse período de quarentena por conta do alastramento do coronavírus. Todas as determinações foram comunicadas ao prefeito e ao Chefe de Gabinete, Renan Campos.

De acordo com o decreto, as igrejas de Petrópolis ficaram abertas, mas as missas e celebrações estão suspensas. Também estão proibidas as orações em grupos, apenas a individual será permitida.  Vale ressaltar que as pessoas devem manter uma distância segura uma da outra.  

“Estamos tomando medidas duras, mas necessárias. Nesse momento tão difícil que todo o mundo está passando, faço o apelo para que todos fiquem em casa. É uma questão humanitária, de pensar na coletividade. Cada um deve fazer a sua parte, o poder público, judiciário, a igreja, e demais órgãos. Mas esse esforço não vai adiantar se muitos não colaborarem. Peço que atendam os apelos e fiquem em casa pelo bem de todos”, ressalta o prefeito Bernardo Rossi.

Dom Gregório disse que “precisamos conter esse vírus, e isso só se faz por meio da disciplina. Temos que cuidar do irmão, isso é caridade. E o cuidado agora é dizer fique em casa, só saia se for estritamente necessário. Não é hora de fazer visitas, de passear, de achar que tudo está normal. O vírus é perigoso demais, o vírus mata, mas não queremos nada disso para aqueles que amamos”, aponta o Bispo Dom Gregório.   

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
 https://www.unimed.coop.br/web/petropolis