Cidade passa a ter três portas de entrada para pacientes com suspeita de covid 

Outras três são destinadas para o atendimento de pacientes sem a suspeita da doença

 

O prefeito interino de Petrópolis Hingo Hammes acompanhou no fim da tarde desta quinta-feira (14) o trabalho das equipes na UPA Centro e no Hospital Municipal Nelson de Sá Earp, que tiveram as rotinas alteradas em função da reestruturação das portas de entrada de pacientes na rede municipal de saúde. O ponto de apoio da UPA Centro foi transferido para o primeiro andar do prédio do HMNSE e a UPA Centro, que vinha sendo utilizada exclusivamente para internação de pacientes com sintomas de Covid-19, foi reaberta como Unidade de Pronto-Atendimento para pacientes não covid.

 

Também nesta terça-feira, a Prefeitura abriu o ponto de apoio de Cascatinha, que passou a funcionar com médicos 24 horas por dia. A UPA do bairro, agora, é UPA Vermelha, exclusiva para internação.

 

“Nosso objetivo é melhorar o atendimento à população, garantindo que quem precisar vai encontrar médicos. Com as mudanças, Petrópolis passa a ter três pontos de apoio para atendimento de pacientes com sintomas de Covid-19, sendo um deles com médicos 24 horas por dia”, frisou o prefeito interino, fazendo referência aos pontos de apoio de Itaipava, do HMNSE e de Cascatinha. 

 

Com a reestruturação, pessoas que precisam de atendimento não Covid têm, agora, três opções: a UPA Centro, a UPA Itaipava e o Pronto Socorro Leônidas Sampaio, no Alto da Serra.

 

"Todas as mudanças feitas nesta quinta-feira têm como objetivo melhorar o atendimento da população. Uma vez constatados os problemas, trabalhamos para planejar e executar mudanças que melhorassem o fluxo de atendimento nas nossas portas de entrada, diante do crescimento do número de casos de Covid-19", explicou o secretário municipal de Saúde, Aloísio Barbosa da Silva Filho.

 

Entenda:

Atendimento de pacientes com sintomas de Covid-19

 

- Pacientes com sintomas leves devem se dirigir ao ponto de apoio da UPA Itaipava ou do HMNSE, onde há médicos das 8h às 20h e enfermeiros para fazer os testes.

 

- Pacientes com sintomas moderados a graves, com febre persistente por mais de três dias, falta de ar e dificuldade para respirar, devem procurar o ponto de apoio da UPA Cascatinha que tem atendimento médico 24 horas

 

Atendimento de pacientes não Covid

- UPA Centro

- UPA Itaipava

- Pronto Socorro Leônidas Sampaio


(Edição: 14/01/2021)

Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem