Imagem ilustrativa BBC

Planejamento também inclui trabalhadores da limpeza urbana e transporte coletivo (cobradores e motoristas)

 

Gestantes e puérperas, portadores de Síndrome de Down e renais crônicos em diálise também começarão a ser vacinados

 

Pessoas com comorbidades (conforme o Plano Nacional de Imunização), profissionais da Educação, limpeza urbana e transporte coletivo (cobradores e motoristas) começam a ser vacinados contra a covid-19 agora em maio. O cadastramento destes públicos será aberto até o fim da próxima semana, em datas que serão anunciadas com a chegada de novas remessas do imunizante.

 

O planejamento para a ampliação da vacinação para estes públicos, assim como para gestantes, puérperas (mães que tiveram bebê entre 45 a 60 dias), portadores de Síndrome de Down, pacientes com doença renal crônica dialítica, pessoas com deficiência permanente cadastradas no BPC, com idade entre 55 e 59 nos, foi discutido em reunião na tarde de segunda-feira (26.04) entre o secretário de Saúde Aloisio Barbosa, e equipes da Vigilância em Saúde, da Atenção Básica e do setor de planejamento da Secretaria de Saúde.

 

“Estamos trabalhando com responsabilidade na vacinação da população. A campanha está avançando conforme a chegada de novas doses da vacina, o que garantiu que a cidade não suspendesse os trabalhos em nenhum momento. Todo o planejamento está pronto e, agora, só dependemos da chegada de novas remessas da vacina para primeira dose. Importante lembrar que, ao mesmo tempo em que estamos trabalhando na ampliação da campanha de vacinação, estamos garantindo a segunda dose daqueles que já tomaram a vacina. Todos os lotes que recebemos para segunda dose foram reservados. Não utilizamos, em nenhum momento, os lotes de segunda dose para primeira dose”, explicou o prefeito interino Hingo Hammes. 

 

“Todo o planejamento está sendo feito para ampliarmos a vacinação de forma organizada, para que possamos alcançar um número cada vez maior de pessoas. Mas é importante destacar que tudo isso depende da chegada de novos lotes de vacinas. Assim como vem sendo feito com os idosos, a vacinação de pessoas com comorbidades será escalonada por idade. Vamos começar com o cadastramento de pessoas com comorbidades entre 58 e 59 anos, já primeira semana de maio”, explica o secretário de Saúde Aloisio Barbosa.

 

A Secretaria de Saúde também está estruturando o planejamento para a vacinação de outros públicos incluídos na fase 1 do grupo de pessoas com comorbidades.

 

“Vamos iniciar também em maio a vacinação de gestantes e puérperas portadoras de comorbidades, portadores de Síndrome de Down e paciente renais crônicos dependentes de diálise. Eles serão vacinados independentemente da idade.”, explica o secretário de Saúde.   

 

Em paralelo, a Secretaria de Saúde elabora também o início da vacinação de profissionais de Educação, trabalhadores que atuam na limpeza pública e no transporte coletivo. Todo planejamento já foi feito para que a ampliação para outros públicos seja feita a partir da chegada de novos lotes de vacinas.

 

Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem