Atrações não vão faltar esta semana no Theatro D. Pedro para quem quiser curtir um bom espetáculo. Tem comédia, música e dança, e teatro de absurdo, que são opções, inclusive, para o feriadão de Dia da Proclamação da República (15.11). Na programação estão a peça Irmãs Gêmeas,dirigida pelo humorista Gustavo Mendes (intérprete da presidenta Dilma); um stand up comedy com Pedro Manso, que terá a participação de Miguel Marques; o espetáculo “Histórias e Canções”, do Espaço de Artes Kairóz, que relembra grandes musicais; e a peça Piquenique no Front, do Arte na Avenida. Os ingressos antecipados podem ser adquiridos na bilheteria do teatro.
Para começar bem o feriadão, nada melhor do que uma boa comédia. Nesta quarta-feira (14.11), a dica é a peça Irmãs Gêmeas, às 20h. O espetáculo conta a história de Ednel e suas duas irmãs gêmeas, Conceição e Edmara.  Ednel um Ator-Cantor apaixonado por Cauby Peixoto, que está sempre participando de testes e nunca é aprovado. Conceição, uma professora da rede pública que mostra através do humor a indignação da classe e relata situações hilárias vividas dentro de uma sala de aula. Edmara, mais conhecida como mãe Foicinha, uma cartomante charlatã que vive passando a perna nos outros. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). A classificação é de 14 anos.
Já na quinta (15.11), é dia de “Show Pedro, Pedra Rara”, o stand up comedy de Pedro Manso, às 20h. A direção é de Tom Cavalcanti e texto de Pedro Manso e Tom Cavalcanti. A abertura será com o humorista Miguel Marques, da Super Rádio Tupi, da Patrulha da Cidade, com o show “Chegando Junto”. Os ingressos custam R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia). A classificação é de 14 anos.
No sábado (17.11), o Espaço de Artes Kairóz apresenta o espetáculo de música e dança “Histórias e Canções”, às 20h. Cerca de 70 pessoas, entre crianças e adultos estarão em cena relembrando grandes musicais como “A Bela e a Fera”, “Mamma Mia”, “Noviça Rebelde”, entre outros. Os ingressos podem ser adquiridos por R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) e a classificação é livre.
Para fechar o fim de semana, no domingo (18.11) tem a peça Piquenique no Front, de Fernando Arrabal, com adaptação e direção de Leticia Laranja. O espetáculo, que começa às 18h, é do grupo de teatro adolescente do Arte na Avenida. Piquenique no Front, um clássico do teatro do absurdo, conta de forma bem humorada, original e absurda, a história do soldado incompetente Zapo que, em combate, recebe num domingo a inesperada visita dos seus irmãos, para um piquenique em pleno front de batalha. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). A classificação também é livre.


Leia Também