Aluna do Estúdio DN’A, Sophia passa a ingressar a Escola Estadual de Dança Maria Olenewa

Aos 15 anos, Sophia Azevedo sai de Petrópolis para dar um grande passo em sua carreira de bailarina ao ingressar na Escola Estadual de Dança Maria Olenewa, a mais antiga instituição brasileira dedicada ao ensino da dança e à formação de bailarinos clássicos, integrada ao Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Soso, como é carinhosamente chamada pelos amigos, dança desde bem novinha no Estúdio DN’A, da bailarina e coreógrafa Daniela Aubaut – uma das mais reconhecidas escolas de dança do interior do Estado.
“Embora eu tenha começado a dançar aos dois anos, nunca tive aquele sonho de criança de ser bailarina. A ideia foi crescendo e amadurecendo à medida que aprendia mais sobre ballet. Tive a sorte de ter professores maravilhosos ao meu lado. Daniela Aubaut, Michela Santos e Diego Lima sempre acreditaram e sonharam junto comigo. O Estúdio DN’A me deu uma base muito sólida, onde recebi ensinamentos que vou levar pra vida toda e onde encontrei oportunidades incríveis, o que cultivou em mim o amor pela dança”, conta ela.
A professora Michela Santos, do Estúdio DN’A, comentou que Sophia sempre foi uma aluna muito aplicada nas aulas, assídua e participativa, comportamento que só cresceu quando manifestou o desejo de se transformar em profissional. “Começamos a fazer um trabalho direcionado e diferenciado com ela. Muitas aulas, muitos ensaios, orientando a fazer cursos fora e audições. Ver o resultado desse trabalho, que para mim nem considero trabalho, é muito gratificante como professora e como pessoa também. Ver uma aluna sua conseguir passar para uma instituição como a Maria Olenewa é um sonho realizado. Tenho certeza que é só a primeira de muitas conquistas na vida dela”. Michela também é professora registrada da Royal Academy of Dance.  


Nenhum comentário:

Postar um comentário