Marcia Ganem


A curadoria da 11ª Mostra de Teatro de Petrópolis divulgou nesta segunda-feira (15), os 10 espetáculos que agora passam para a segunda fase, a de classificação da banca de jurados. Entre os dias 18 e 28 todos os trabalhos, estarão liberados para o acesso do público no site do evento (www.mostrateatropetropolis.com.br) e serão avaliados para a definição dos vencedores por categorias.

 

Entre as obras selecionadas estão: “Diário de Último Ato”, da Cia Plúmbea; “Mar de Mayã”, do Teatro de Garagem; “(R) Existir”, da Cia Teatro Livro Aberto; “Um Réquiem para Esmeralda”, do Grupo Palhastônicos; “O Povo em Pé!”, da Satura Companhia de Teatro”; “Sem Palavras, Cem Risadas”, do Grupo Palhastônicos; “Mundo Cão ou a Incrível História do Cão sem Nome”, da Companhia Onírica; “A Mulher Maracanã”, do Denegrindo Coletivo de Teatro; “Nós”, da Sekreta Conexões Culturais; e “Tempos Verbais”, de Laércio Motta.

 

Todos os selecionados na primeira fase, recebem o prêmio de R$ 6 mil. Nesta segunda etapa, serão definidas as categorias que serão premiadas no dia 28/3, com troféu criado especialmente para a Mostra, pela artísta plástica e atriz Flavia Miranda. Os 10 espetáculos selecionados foram considerados pela curadoria os melhores entre os 23 inscritos no que se refere à apresentação dos projetos, em formato digital. A realização on-line foi alternativa por conta das medidas de segurança devido à pandemia e o evento recebeu o incentivo da Lei Aldir Blanc - #FomentaFestivalRJ.

 

“Quero parabenizar os produtos da Mostra de Teatro 2021, os artistas, que em meio à crise, não deixaram de pensar em novas formas de interagir, e reinventar o modo de mostrar a expressão artística, diante de tantas dificuldades”, pontuou uma das curadoras Sueli Porto Azevedo, que contou ainda com a produtora, Marcia Ganem para a seleção dos espetáculos. “É muito prazeroso poder participar como curadora desse evento tão fundamental e representativo para a arte cênica local, que encontra apoio e visibilidade para seus trabalhos, principalmente nesse momento tão delicado. Vida longa à Mostra!”, ressaltou Marcia.

 

Jurados definirão os vencedores por categoria

A partir do dia 18, os jurados terão 10 dias para realizar uma análise minuciosa dos trabalhos e definição dos vencedores de cada categoria. A 11ª Mostra de Teatro de Petrópolis conta com uma bancada formada por profissionais de renome no meio teatral. O corpo de jurados é presidido pelo crítico teatral Sérgio Fonta, escritor, jornalista, dramaturgo, ator e diretor. Em seu currículo, soma títulos como vencedor da 4ª Bolsa RioArte de Artes Cênicas e como ator, atuou em mais de 10 novelas e 30 espetáculos teatrais.

 

Na banca de jurados está ainda a atriz Iléa Ferraz, considerada uma profissional multimídia: atua, canta, dirige, escreve, produz, ilustra, cria e executa projetos cenográficos. Foi indicada ao Prêmio Shell de Teatro, na categoria melhor atriz, com o espetáculo “Nunca Pensei Que ia Ver Esse Dia”. Participou de importantes festivais de teatro na Europa com o espetáculo “O País dos Elefantes” e apresentou-se em Angola (Luanda e Benguela), com o espetáculo “O Cheiro da Feijoada”. Tem passagem na direção de filme, ilustração de livros e atuou em clássicos do teatro. Na TV, se destacou com novelas e minisséries.

 

O produtor Sandro Rabello completa o time da bancada de teatro carregando vasta experiência na produção teatral. Por 10 anos ele esteve à frente do Festa Internacional de Teatro, de Angra dos Reis; fez a produção executiva da quarta edição do Cena Brasil Internacional; coordenou uma das edições do Festival do Inverno do Sesc; produziu mais de 39 espetáculos teatrais, 6 musicais e a exposição “Nelson Brasil Rodrigues – 100 anos do anjo pornográfico”.

 

Assim como todo o evento, o anúncio dos vencedores por categoria será realizado por meio de plataforma digital. O anúncio das classificações será feito por live, no dia 28/3, último dia da Mostra.


Mostra promove diferentes interações com o público

Artistas e público interessados poderão participar de uma série de eventos, todos on-line, como lives de pocket-show e oficinas de teatro com a atriz Iléa Ferraz e com o diretor da Armazém Cia de Teatro, Paulo de Moraes”. “Mesmo em formato digital a Mostra esse ano reúne uma série de ações que promovem entretenimento, disseminação cultural e principalmente, troca de experiências entre os profissionais do segmento artístico”, destaca a atriz e organizadora, Simone Gonçalves, diretora do Grupo Teatral  Povo do Cafundó, realizador da Mostra.

 

 

Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem