Há quem diga que não existe prazer maior na vida do que comer bem, ainda que esta frase seja sinônimo do consumo de grande quantidade de alimentos inadequados que não proporcionam qualidade de vida e o pleno funcionamento do organismo. Existem inúmeras dietas milagrosas sendo propagadas por aí, o que muitas vezes é sinal de frustração para quem mantem um relacionamento não muito amigável com a balança, não é mesmo?

 

A verdade é que a relação que muitas pessoas têm com a comida está cada vez mais complexa. Não é difícil encontrar amigos e familiares relatando a famosa sensação de culpa após terem se alimentado, especialmente se essas pessoas têm dificuldades para manter ou reduzir o peso. Neste contexto, o Centro Universitário Arthur Sá Earp Neto (UNIFASE) coloca em evidência o tema “Aplicações práticas da Nutrição Comportamental”.

 

“Essa abordagem da nutrição comportamental vai muito além da questão mais técnica da Nutrição, pois quando o trabalho tem como foco o comportamento, o nutricionista trabalha muitos conceitos ligados à cultura, à vida social do indivíduo e também questões emocionais. É muito mais do que contar calorias, pois há um olhar mais amplo sobre todas as questões que permeiam o indivíduo, a conexão dele com os alimentos e com o ato de alimentar-se”, explica Jamile Nogueira, coordenadora do curso de Nutrição da UNIFASE.

 

Neste período de pandemia, a relação das pessoas com a comida foi extremamente alterada. Muitos distúrbios alimentares apareceram em decorrência dos momentos tão conturbados diante do cenário de saúde mundial. 

 

“A temática sobre Nutrição Comportamental veio ao encontro de toda essa questão relacionada aos impactos da pandemia no comportamento alimentar. É fundamental que os nutricionistas entendam como as pessoas estão se comportando em relação aos alimentos que estão consumindo. A proposta da Semana de Nutrição da UNIFASE é promover essa discussão e trazer algumas ferramentas práticas para que os alunos e profissionais da área entendam como aplicá-las no contexto profissional”, ressalta a nutricionista.

 

Tendo o domínio das ferramentas adequadas da Nutrição Comportamental, os nutricionistas trabalham para desenvolver nos pacientes uma relação mais saudável com a comida. Trazer essa discussão atual é o objetivo da Semana de Nutrição da UNIFASE, que será realizada nos dias 30 e 31 de agosto. A programação completa e as inscrições, que são gratuitas e devem ser realizadas até o dia 27 de agosto, estão disponíveis no site: www.unifase-rj.edu.br.

 

“A mudança do comportamento alimentar envolve estratégias de aconselhamento nutricional, técnicas do comer intuitivo, terapia cognitivo-comportamental, entrevista motivacional e táticas para comer com atenção plena, em um processo de cuidado e acompanhamento nutricional com um olhar mais amplo do paciente como um todo”, finaliza.

 


Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem