Prefeitura de Petrópolis, em parceria com o Governo do Rio, já iniciou trabalho de mapeamento e reformulação de alguns circuitos

 

Os circuitos ecorrurais de Petrópolis, incluindo atrativos das regiões do Brejal, Taquaril, Secretário e Bonfim, vão integrar um guia de turismo rural da região Serra Verde Imperial, que será lançado em novembro pelo Governo do Rio como parte do Projeto Turismo Rural RJ. Nesta terça-feira (19), a Prefeitura de Petrópolis, por meio da Turispetro, se reuniu com empreendedores da região do Taquaril, para apresentar o programa, retomar o mapeamento e oferecer o apoio necessário para a reativação do Circuito Pedras do Taquaril.

 

O projeto é uma ação inédita do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ), TurisRio, Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento (Seappa) com a parceria do Núcleo de Estudos de Geografia Fluminense (Negef), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. A Prefeitura de Petrópolis entra com o apoio técnico no levantamento dos atrativos de cada circuito, auxiliando na elaboração dos roteiros, capacitação e promoção dos produtos direcionados ao turismo rural que serão incluídos no guia.

 

O trabalho começou no último sábado (16), quando a equipe técnica da Setur-RJ iniciou o mapeamento das áreas de desenvolvimento de Turismo Rural na região de Secretário. A visita foi acompanhada pelo diretor de marketing da TurisRio e coordenador do programa, Pablo Kling, pelo assessor da Setur-RJ, Gabriel Villar, pelos secretários municipais de Turismo, Samir El Ghaoui, de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Soares, pelo diretor de Agricultura José Maurício Soares, pela diretora de turismo da Turispetro, Evany Noel e pelo assessor especial Rogério Elmor e de eventos Marco Aurélio Marcondes. Também estiveram presentes os vereadores Junior Paixão e Ronaldo Ramos.

 

Em seguida, eles estiveram no Brejal, onde conheceram um pouco do já consolidado circuito local, que também fará parte do roteiro. Segundo Pablo Kling, os municípios farão parte também de um catálogo repleto de experiências. Além da região Serra Verde Imperial, os guias vão abordar o Vale do Café, Costa Doce e Águas do Noroeste. "Nossa ideia é apresentar os atrativos do turismo rural de cada um dos municípios. Além disso, vamos criar um catálogo virtual de paisagens rurais, que está sendo preparado pelo Instituto de Geografia da UERJ", explicou.

 

"Trata-se de uma ação inédita do governo estadual, que vai contribuir com o planejamento, estruturação e fortalecimento do destino Petrópolis, especialmente para o turismo rural. A ideia é fortalecer esse segmento, que se destacou como uma importante tendência de turismo, principalmente pela segurança e controle sanitários, e por poder acontecer em  ambientes abertos", destaca o prefeito Hingo Hammes.

 

Para o secretário de Turismo, Samir El Ghaoui, os viajantes que buscam esse tipo de turismo são aqueles que gostam de estar em contato com a diversidade do ambiente rural, além de interagir com o patrimônio cultural que estas regiões oferecem. "Acredito muito nessa união entre o governo, sociedade civil organizada e a iniciativa privada para que as coisas aconteçam. São circuitos que apresentam opções diferenciadas, que se destacam pelas paisagens e por empreendedores que abrem suas respectivas propriedades à visitação. A inclusão desses roteiros no guia certamente vai trazer excelentes resultados para as regiões envolvidas", acredita.

 

A diretora de turismo da Turispetro, Evany Noel, explica que esse trabalho é feito a partir de uma ação colaborativa e articulada em rede de cooperação, onde é necessário conhecer as regiões e seus atores, identifcar os setores da cadeia produtiva que podem ser envolvidos, os diferenciais de cada localidade e definir o objetivo a ser alcançado. "A ideia é utilizar o material nas feiras de turismo e em outras ações com o objetivo de promover o turismo rural, que é um segmento extremamente forte em Petrópolis", completa.

 

"Os empreendedores locais demonstraram muita satisfação pela retomada do planejamento e organização dos circuitos ecorrurais pela Prefeitura, o que certamente vai gerar boas experiências aos turistas e novas oportunidades de negócios, trabalho e renda para a população local", observou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Soares. Na próxima semana, as equipes dos órgãos estaduais e municipais darão prosseguimento às visitas técnicas na região do Bonfim.

Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem