Casa do Papai Noel / Fotos: Renato Mangolin


Economia da cidade teve um aumento significativo


Desde 2 de dezembro, dia da abertura do Natal Imperial 2021, até 9 de janeiro de 2022, Petrópolis e Distritos, como Itaipava, Pedro do Rio, Araras, Areal e Posse tiveram uma programação extensa, intensa e gratuita. Com 39 dias de festa, foram mais de 300 atrações e mil artistas em cena, com mais de 400 horas de atividades artísticas, incluindo bandas, orquestras, corais e companhias de balé e de teatro. A maioria dos artistas selecionados por chamamento público era da região serrana.

 

O Natal Imperial Petrópolis 2021 é uma realização da Prefeitura de Petrópolis e Dellarte, com o patrocínio da Claro através do Governo do Estado do Rio de Janeiro (por meio da LIC – Lei Estadual de Incentivo à Cultura e Economia Criativa) e parceria do Sesc-RJ.

 

A solenidade de abertura foi na Praça da Liberdade, no Centro, seguida pelo acendimento das luzes e a inauguração da árvore de 35 metros. Entre as apresentações que fizeram mais sucesso no local,  a cantora Joana, Pretinho da Serrinha e as Orquestras Sinfônicas de Barra Mansa,  Mariuccia Iacovino, os concertos de diversos corais da cidade, além da banda Blue Beetles.

 

A iluminação nas ruas do Centro da cidade, e árvores de Natal na Praça da Inconfidência, na Avenida Koeler, no Sesc Quitandinha, o Túnel do Luz na Rua 16 de Março e a decoração especial em Itaipava deram ainda mais charme à programação. 

 


 

O Natal Cervejeiro, na Praça Visconde de Mauá, fez enorme sucesso e as apresentações de video mapping interativo com os Canarinhos de Petrópolis no Palácio Amarelo foram muito concorridas. 

 

As “contações de histórias” na Casa do Papai Noel, montada no Palácio Sérgio Fadel, as barraquinhas com artesanato típico da região, as comidinhas de produtores locais e as ativações tecnológicas também foram muito procurados pelos moradores e turistas.

 

“A Claro tem orgulho em unir forças com os petropolitanos e apresentar, pela primeira vez, o Natal Imperial. Um festival democrático e gratuito, com muita diversão, cultura e tecnologia de ponta. Os últimos anos nos mostrou, principalmente, que as pessoas precisam estar no centro dessas mudanças. E entendemos que o Natal Imperial passou justamente essa mensagem”, explica a diretora regional da Claro, Gabriela Derenne. 

 

O Qubra-Nozes 


Um dos pontos altos da programação foi o balé O Quebra-Nozes, apresentado pela CIA BEMO/TMRJ e solistas convidados do balé do Theatro Municipal, no Teatro Mecanizado do Quitandinha. Outro destaque foi a série de Concertos Clássicos do Natal no Cineteatro do Museu Imperial, promovida pela primeira vez pelo Instituto Dell’Arte.  


“Nós estamos muito felizes, pois foi um evento de grande sucesso pela heterogeneidade da programação. Os últimos concertos tiveram lotação esgotada e a presença de muita gente jovem que veio conhecer a música clássica. Uma das nossas metas é a nova geração, não só com a formação de novas plateias, mas também ao apoio a artistas que estão iniciando e que não tem muitos espaços para se apresentar”, diz Myrian Daueslberg, presidente do Instituto Dell”Arte.  

 

“Geralmente novembro e dezembro são meses de baixa estação em Petrópolis e com a realização do Natal Imperial há uma grande oportunidade deste período se transformar em alta estação, gerando negócios para toda a cadeia produtiva do turismo e setores secundários e boas oportunidades de trabalho e renda para a população, confirmando a grande importância do Turismo no desenvolvimento sustentável de Petrópolis”, comemora Silvia Guedon, Secretária de Turismo de Petrópolis (TurisPetro).

 

Árvore de Natal Praça da Liberdade


Segundo o presidente do Petrópolis Convention & Visitors Bureau, Fabiano Barros, durante o Natal Imperial a ocupação hoteleira foi de 93% finais de semana e 76% no meio de semana.


 Já Heitor Carneiro, representante do Polo de Experiência da Rua 16 de Março e Diretor do Sicomércio, comemora: “Para 2021, o comparativo que o varejo traçou foi em relação aos números de 2019, visto que 2020 foi um ano fora da curva. Considerando essa comparação 2021/2019, em relação a dezembro, as lojas confirmaram aumento de 35% de vendas. Certo que parte desse crescimento pode ser atribuído às atrações do Natal Imperial - sobretudo o Túnel de Luz que, em especial nos finais de semana, mantiveram a cidade bastante movimentada. Isso é incrível porque gera mais contratações, aquece a economia da cidade. É mais gente empregada, mais gente com poder de compra”. 


“A realização do Natal Imperial cumpriu seu principal objetivo que foi promover o reencontro da cultura com seu público em diversos palcos pelo centro de Petrópolis e arredores. Estamos felizes e surpresos pela profusão de talentos e a qualidade dos artistas locais, responsáveis por 90 % da programação. Tivemos resultados incríveis, com aumento das vendas no comércio confirmado pela CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Petrópolis) e pelas lojas da Claro na região A rede hoteleira trabalhou com percentuais de ocupação acima dos 90% para o período. Os resultados indicam o acerto de nossa programação, e estamos entusiasmados para o início de planejamento do Natal Imperial 2022 cuja abertura está planejada para 23 de novembro”, comemora Steffen Daueslberg, CEO da Dellarte, responsável pela programação cultural do Natal Imperial 2021. 

 

Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem