Tiramissú é uma das receitas do curso (Imagem ilustrativa)

Todo mundo sabe que cozinha italiana é sinônimo de comer bem e que o sabor inigualável dos pratos desperta o paladar de pessoas mundo afora. E a boa notícia é que, para desvendar os segredos dessa culinária maravilhosa e aprender a preparar receitas pra lá de especiais, não é preciso cruzar o oceano.
Isso porque a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para a Oficina de Cozinha Italiana, que será realizada no dia 16 de agosto, das 18 às 22h, no laboratório de Nutrição, no campus da instituição. Os participantes receberão certificado.
Será a oportunidade para estudantes de Gastronomia e Nutrição, além de amantes da boa comida, aprenderem ingredientes e formas específicas de preparo dos seguintes pratos:  Aranccine; lasanha verde com ragu de linguiça e alho poró; panzanella (salada de pão); e tiramissú.
As aulas serão coordenadas pela gastrônoma Ana Salles, que é especialista em culinária italiana pelo Italian Culinary Institute for Foreigners (ICIF) e tem experiência de 13 anos como chef, consultora e professora, tendo passado por cozinhas renomadas do Rio de Janeiro e São Paulo, e do prestigiado Mugaritz, do chef Adoni Luis Adoriz, na Espanha.
Mais informações e as inscrições, abertas até o dia 13 de agosto, estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br.

Jurada em reality show
A professora de Nutrição da FMP/Fase, Nathália Thomaz, que também atua na rede municipal de ensino, foi convidada a participar como jurada no reality show “Super Merendeiras”, promovido pela TV Escola e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que vai ao ar em setembro. O programa conta com 10 cozinheiras atuantes em diversas escolas públicas do país, e que ganharam nas edições do Concurso Melhores Receitas da Alimentação Escolar do FNDE. A iniciativa objetiva promover uma alimentação saudável com entretenimento, além de valorização das profissionais responsáveis por preparar as refeições de milhares de estudantes. 



Leia Também