Os Cadernos de Kindzu (Divulgação)

O Theatro D. Pedro recebe o espetáculo “Os Cadernos de Kindzu” neste sábado,  dia 3 de novembro, às 20h. Com direção de Ana Teixeira e Stephane Brodt, a nova criação do Amok Teatro tem como ponto de partida a obra Terra Sonâmbula e o universo do escritor moçambicano, Mia Couto. Atração faz parte da programação da Firjan SESI e tem ingressos a preços populares.
O espetáculo narra a trajetória do jovem Kindzu, que deixa sua vila e parte em uma emocionante viagem para fugir das atrocidades de uma guerra civil. Nessa aventura ele encontra outros refugiados, personagens repletos de humanidade que o fazem viver experiências ancoradas tanto na cultura tradicional do sudeste africano quanto na vivência de um conflito devastador.
O Amok Teatro mergulha nos doze cadernos que compõem o diário de Kindzu, trilhando um caminho a partir do livro “Terra sonâmbula”. Uma narrativa em que a música, a literatura e o teatro se fundem como uma expressão única e indissociável, com a flexibilidade de quem busca um diálogo criativo e não uma tradução cênica de uma obra literária.
Ao longo desse processo, uma nova narrativa se constrói. Em cena, a trajetória de Kindzu e seus companheiros encontram uma identidade própria, sem se afastar, no entanto, da escrita de Mia Couto, da sua riqueza poética e imagens ancoradas na cultura oral africana.
Com “Os cadernos de Kindzu”, o Amok Teatro aborda o fantástico e explora a língua portuguesa em suas diferentes sonoridades. Passando do conto à ação e da palavra ao canto, o espetáculo aprofunda a pesquisa cênica iniciada com o projeto “Salina” (A última vértebra), que investiga diferentes formas de narrativa no contexto das culturas africanas, afro-brasileiras e afro-lusitanas.
A peça já foi indicada aos prêmios Shell, Cesgranrio, Botequim Cultural e APTR em diversas categorias, incluindo “Melhor Espetáculo”. Recebeu o 8º Prêmio Válvula de Escape/OlharesdaCena, de Porto Alegre, nas categorias “Melhor Ator” (Thiago Catarino) e “Melhor Atriz Coadjuvante” (Graciana Valladares).
Os ingressos para apresentação custam R$ 22 (inteira) e R$ 11 (meia) e estão à venda na bilheteria do Theatro D. Pedro (aberta das 14h às 20h). Pessoas com mais de 60 anos, estudantes, deficientes físicos e associados à Firjan SESI pagam meia-entrada.

Serviço:
Os cadernos de Kindzu
Dia: 03 de Novembro
Local: Theatro D. Pedro - Praça Expedicionários, s/n – Centro
Hora: 20h
Gênero: Drama
Duração: 130 min
Ingressos: R$ 22 (inteira) | R$ 11 (meia)
Classificação: 16 anos

Leia Também