Hospital Unimed Petrópolis


Pela primeira vez, desde o início da pandemia da Covid-19, o Hospital Unimed Petrópolis não tem nenhum paciente internado em decorrência da doença. A queda no número de internações na unidade vem sendo observada desde junho deste ano.

 

Após um longo período de enfrentamento do coronavírus, encerrar essa semana sem nenhum paciente internado é motivo para comemorar. O presidente da Unimed Petrópolis, Rafael Gomes de Castro destaca, entretanto, que as medidas preventivas devem ser mantidas e reforça a importância da vacinação.

 

“A gente tem muito orgulho e muita felicidade em dizer que, nesse momento, não temos nenhum paciente internado com Covid-19 na nossa unidade hospitalar. Nós, que sempre estivemos ao lado de nossos clientes e de toda a população, nos sentimos no dever de informar esse fato que é absolutamente positivo. Se Deus quiser, vai ser assim sucessivamente em todas as unidades de saúde do nosso município, do estado e do país, e reforçamos a importância das medidas de prevenção”, diz Rafael Gomes de Castro.

 

“Esse é um momento de grande alegria e satisfação. É momento de congratular e agradecer todos os médicos cooperados e colaboradores que participaram dessa página tão bonita, tão digna e honrosa da história da Unimed Petrópolis e do município”, destaca o vice-presidente da cooperativa, Cesar Augusto de S. Thiago.

 

Na última segunda-feira (01), duas pessoas estavam internadas na unidade em virtude da Covid-19. O maior pico foi em abril deste ano, quando houve o registro de 46 internações no dia 05.

 

Para o Médico Coordenador da UTI Adulto do Hospital Unimed Petrópolis, Júlio Cezar Santos, que atua na linha de frente, a sensação de não ter nenhum paciente internado é de alegria e alívio.

 

“Atravessemos um período difícil e o mais nebuloso foi em abril e maio de 2021, com muitos pacientes internados e tivemos que abrir uma UTI extra. Além de tudo, houve muito medo e receio de também contrair a doença, embora o hospital tenha prestado todo o auxílio necessário e paramentação. E, Graças a Deus, após um longo e tenebroso inverno, não temos nenhum paciente com Covid-19 internado. Agora é trabalhar e seguir em frente. Novos desafios virão, mas é um alívio muito grande”, enfatiza o médico.

 

Desde o início da pandemia, a unidade registrou 3.927 casos positivos de Covid-19 e contabilizou 633 altas hospitalares.


Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem