Receitas para Festa Caipira


Estamos vivenciando um momento de isolamento social por conta da pandemia Covid-19, mas o fato é que os meses de junho e julho são especialmente celebrados pelos brasileiros com as famosas festas caipiras. Além das danças típicas das festas juninas, quem resiste a tantas iguarias na culinária durante essas comemorações? 

Mesmo sem poder realizar uma festa, é possível que algumas receitas saudáveis possam contribuir para que o sabor desse período esteja presente nas mesas de cada família. Pensando nisso, a nutricionista Brigitte Olichon, professora do curso de nutrição da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase), separou cinco receitas que prometem fazer jus aos conhecidos quitutes tradicionais. Confira e aproveite para se aventurar com a sua família no preparo desses saborosos pratos:

 

Cupcake de abóbora com coco (de caneca, no micro-ondas - rende 1 porção) 

Ingredientes: 50 g de abóbora cozida e amassada; 2 colheres de sopa de farinha de coco (ou outra farinha); 1 ovo; 1 colher de sopa de açúcar demerara ou adoçante culinário; 1 colher de sopa de azeite extra virgem ou manteiga; 1 pitada de fermento em pó; coco ralado fresco sem açúcar para polvilhar.

Modo de fazer: misture todos os ingredientes em uma caneca e leve para o micro-ondas por 2 minutos. Desenforme, polvilhe o coco ralado fresco e sirva.

 

Curau de milho em conserva

Ingredientes: 1 lata de milho verde (200g peso drenado); 2 xícaras de leite desnatado; 1/2 xícara de açúcar demerara ou adoçante culinário; 1 colher de sopa de maisena (amido de milho); canela a gosto.

Modo de fazer: coloque o milho no liquidificador, já sem a água. Junte o leite e bata por 2 minutos. Coe essa mistura e passe para uma panela apenas o líquido. Adicione o açúcar e o amido de milho dissolvido em um pouquinho de água (2 colheres (sopa) de água). Misture tudo e leve ao fogo médio. Mexa sem parar até levantar fervura. Depois que levantar fervura, abaixe o fogo e mexa por mais 15 minutos. Despeje numa travessa, tigelas ou taças individuais. Aguarde esfriar, salpique canela a gosto e sirva.

 

Bolo de Aipim

Ingredientes: 500g aipim ralado (cru); 1 garrafinha leite de coco sem açúcar e desengordurado (200 ml); 1 xícara de açúcar; 2 ovos; 2 colheres (sopa) manteiga.

Modo de fazer: Numa tigela grande, junte o açúcar, os ovos e a manteiga. Misture tudo muito bem com a ajuda de um batedor de arame. Em seguida, junte o leite de coco e o aipim ralado. Misture tudo, batendo com o batedor de arame até que a mistura fique bem homogênea. Despeje numa forma untada com manteiga. Leve para assar em forno preaquecido, 180ºC, por cerca de 40 a 50 minutos.

 

Brigadeiro de Batata Doce

Ingredientes: 1 xíc. (chá) de leite desnatado; 1 col. (sopa) de farinha de trigo; 4 col. (sopa) de chocolate 70% cacau (no mínimo!) ralado; 1 xíc. (chá) de batata doce cozida e amassada

Modo de fazer: Em uma panela, antes de levar ao fogo, misture o leite, a farinha e o chocolate. Quando estiver homogêneo (sem bolinhas de farinha), leve ao fogo e acrescente a batata doce. Mexa bem até desgrudar do fundo da panela. Leve à geladeira por 1 hora. Retire da geladeira e, com as mãos úmidas de água, faça bolinhas e passe em raspas de chocolate ou amaranto em grãos.

 

Pão Fácil de Abóbora com queijo

Ingredientes: 1 tablete de fermento biológico (15g); 1 colher (chá) de açúcar; 1 colher (sopa) de sal; 500 gramas de abóbora cozida, escorrida e passada no espremedor; 1 ovo; 4 colheres (sopa) de azeite; 2 xícaras (chá) de farinha de trigo; 200 gramas de queijo minas (ou branco) ralado grosso; salsa (ou salsinha) picada a gosto

 

Modo de fazer: Em uma tigela, dissolva o fermento com o açúcar e o sal. Acrescente a abóbora, o ovo, o azeite e, aos poucos, a farinha de trigo. Mexa com uma colher até ficar uma massa mole e uniforme. Unte uma forma retangular com óleo e, com o auxílio de uma colher, coloque metade da massa. Distribua o queijo ralado misturado com a salsa. Por cima, coloque o restante da massa, cubra com um pano e deixe descansar durante 20 minutos. Asse no forno alto, a 200 ºC, preaquecido, por aproximadamente 45 minutos ou até dourar.

 

Leia também:

"Boloterapia": autoexpressão e criatividade na quarentena


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
 https://www.unimed.coop.br/web/petropolis