Profissionais de saúde do HST podem assistir às videoaulas quando e onde quiserem


Profissionais de saúde podem assistir às videoaulas quando e onde quiserem

 

Diante da impossibilidade de reunir suas equipes para realização de treinamentos internos por conta da pandemia do novo coronavírus, o Hospital Santa Teresa (Petrópolis) adotou o uso do Google Classroom, um sistema de gerenciamento de comunicação online para simplificar a criação, a distribuição e a avaliação de conteúdo.

 

A ideia de realizar treinamentos à distância partiu de Fabiano da Silva, Analista de Processos do Setor de Qualidade do HST, junto com a equipe do Setor de Processos. Em uma tentativa anterior, a Assistente de Qualidade Thayná Borsato já havia realizado um passo-a-passo gravado para acesso ao sistema de documentos que foi disponibilizado por WhatsApp aos profissionais e teve resultados pontuais. Constataram então que poderiam usar plataformas digitais para realizar treinamentos de equipes e, com a sugestão da Coordenadora de Qualidade Ana Paula Stutzel, que vinha acompanhando os estudos de suas filhas através desse aplicativo, optaram pelo Google Classroom.

 

O objetivo inicial era promover treinamentos para sanar questões relacionadas a procedimentos internos, no entanto, a adesão foi tão boa, que a metodologia está sendo implantada em outros setores do hospital.

 

Para o centro cirúrgico, por exemplo, foram gravados vídeos educativos para instruir médicos e enfermeiros sobre novos processos de forma mais simplificada. Na parte burocrática de solicitação de exames e medicamentos, registros de internação e altas, foram incluídas videoaulas com o passo-a-passo a ser executado no sistema do hospital. Para o CTI, a equipe de engenharia clínica do hospital está elaborando material instrucional sobre manuseio de equipamentos, como bomba infusora, monitores cardíacos e ventiladores mecânicos.

 

De acordo com Fabiano, “a metodologia de administrar treinamentos via Google Classroom vem trazendo grandes benefícios, como a otimização de tempo dos profissionais de saúde. É possível acessar os conteúdos gravados no momento que for mais conveniente, não sendo mais necessário reunir grande número de pessoas em um determinado horário para a realização de treinamentos. Além disso, tem a flexibilidade na aprendizagem, uma vez que o aplicativo pode ser instalado no computador ou no celular e as videoaulas ficam disponíveis na plataforma, podendo ser revistas sempre que necessário”.


Leia também:

Petrópolis fará Drive Thru de testagem para coronavírus


Gruparj Petrópolis dá início a retomada gradual


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
 https://www.unimed.coop.br/web/petropolis