Chuvas fortes

Essa é uma das características do “La Niña”


Há dez anos Petrópolis viva um dos períodos mais tristes de sua história, a tragédia do Vale do Cuiabá, ocasionada por chuvas fortes que tirou dezenas de vidas petropolitanas. O período coincide com a última vez que o fenômeno “La Niña” foi considerado de moderado a forte. Para o atual verão, a previsão é que com o resfriamento dos oceanos a intensidade do “La Niña” se repita. Os dados foram divulgados pela Organização Meteorológica Mundial (OMM).

Plano Verão de Petrópolis

Com o objetivo de evitar tragédias causadas por chuvas fortes, a Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias do município lançou o Plano Verão de Petrópolis 2021, que consiste em diversas ações tanto de prevenção quanto de auxílio a possíveis vítimas de chuvas fortes, como por exemplo inspeções regulares nos 15 pontos de apoio e 12 sirenes de alerta, garantindo o funcionamento das instalações para receber com segurança e estrutura os desalojados. Além disso, são feitas visitas por técnicos em comunidades para conscientizar a população a procurar ajuda ao se encontrarem em situação de risco. Antes do fechamento das escolas por conta da pandemia, outro importante programa de prevenção foi a Defesa Civil nas Escolas, levando para dentro das salas de aula orientações importantes de como proceder em casos extremos. O programa conta com palestras, dinâmicas e jogos. A iniciativa recebeu reconhecimento internacional da Organização das Nações Unidas (ONU).


Como se proteger 

Para o secretário de defesa civil Coronel Paulo Renato Vaz, a prevenção é o melhor caminho para se proteger. “Temos a previsão de um verão com muitas chuvas fortes devido ao ‘La Niña’, acreditamos que a melhor forma de se manter seguro é se antecipar, com conscientização da população”, disse.


Efeito La Niña

O La Niña é um evento climático natural que ocorre no Oceano Pacífico, resfriando as suas águas e alterando a distribuição de calor e umidade em várias partes do globo. O fenômeno La Niña ocorre nos intervalos entre o El Niño e a situação de normalidade das temperaturas do Oceano Pacífico.

  

Telefone da Defesa Civil

Defesa Civil reitera que as pessoas que residem em áreas de riscos fiquem atentas ao acionamento das sirenes e alertas. Em caso de qualquer ocorrência deve-se ligar para o número 199 e procurar o ponto de apoio mais próximo.

 

 

Post a Comment

Gostou da matéria? Deixe seu comentário ou sugestão.

Postagem Anterior Próxima Postagem