Centro de Simulação Realística FMP/Fase


Empenhada em auxiliar o município na luta contra a disseminação do Coronavírus, promovendo o atendimento aos pacientes com suspeita de infecção em Petrópolis e também na linha de frente prestando os cuidados necessários aos infectados, a Faculdade de Medicina dePetrópolis/Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) realizou um treinamento para capacitação dos profissionais da área da saúde.

Fruto de uma parceria entre os cursos de Medicina e Enfermagem, o treinamento foi realizado, em março, no Centro de Simulação Realística da instituição, respeitando todas as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde, inclusive evitando aglomeração e mantendo o distanciamento de pelo menos um metro entre os participantes.
Ao todo foram capacitados mais de 80 profissionais da saúde, professores, preceptores e residentes, que atuam no Hospital de Ensino Alcides Carneiro, no Ambulatório Escola, nas Unidades de Saúde da Família e em outros serviços de saúde no município de Petrópolis.

A capacitação ocorreu de forma prática e individual, com o objetivo de fortalecer o conhecimento para adequada proteção do profissional de saúde, já que nos últimos tempos não houve uma pandemia causada por um agente viral com tão elevada capacidade de contaminação.

"É muito importante reforçarmos as boas práticas de saúde neste momento. Padronizar os procedimentos realizados nas unidades, como a forma dos profissionais agirem com a paramentação básica (casos suspeitos) e a paramentação avançada (casos confirmados) durante o atendimento a pandemia do COVID-19, é mais uma maneira de evitarmos a contaminação pelo vírus. Além disso, todos foram orientados sobre a adequada lavagem das mãos, seguindo os protocolos preconizados pela Organização Mundial da Saúde, pelo Ministério da Saúde e também pela ANVISA", explica a enfermeira Cristina Hansel, membro da equipe responsável pela capacitação.

Os psicólogos e os nutricionistas que atuam na Residência Multiprofissional em Saúde da FMP/Fase também participaram do treinamento. Essa medida vai ao encontro da portaria 639, assinada em 31 de março, que dispõe sobre a capacitação e o cadastramento de profissionais da área de saúde, que tem caráter obrigatório. Sendo uma das ações estratégicas do Programa "O Brasil Conta Comigo – Profissionais da Saúde".

"Diante do cenário da COVID-19, o treinamento para uso dos equipamentos de proteção individuais foi de muita utilidade, uma vez que proporcionou maior segurança. Agora, estou me sentindo mais preparada para atuar como profissional da saúde na linha de frente no combate à pandemia", comenta a nutricionista Izabel Ester Pires, aluna da Residência Multiprofissional em Saúde da FMP/Fase.

Um dos desdobramentos do treinamento foi a produção de três vídeos, pela FASE TV - canal educativo da FMP/Fase, que reforçam e exemplificam a higienização das mãos e a paramentação básica e avançada, possibilitando alcançar mais profissionais da área da saúde.

"Com a produção desses vídeos podemos chegar não somente àqueles que não puderam participar do treinamento, mas também ampliar a disseminação do conteúdo para os profissionais de saúde de vários locais do mundo. A tecnologia contribui para a educação continuada e também para o fortalecimento das boas práticas de saúde. Executando o processo de forma correta, os profissionais estarão protegidos. Por isso, o conteúdo já está disponível no nosso canal do You Tube. Afinal, a prevenção é a melhor forma de proteção", finaliza Claudia Vasconcellos, médica responsável pelo treinamento.  

Leia também:

Odontologia digital ganha os consultórios dentários emPetrópolis







Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
 https://www.unimed.coop.br/web/petropolis